Pesquisar
Close this search box.

[:pb]Compartilhar: Seminário de Avaliação do Projeto Semear e Colher promove espaço qualificado de troca de experiências sobre desenvolvimento e o futuro das ONGs[:]

[:pb]

O Seminário de Avaliação do “Semear, Colher e Compartilhar” aconteceu na última segunda-feira (11), no Centro de Expansão Dom Vicente Araújo Matos, localizado no pequeno município de Crato, Ceará.

K1600_SOLIVIDA

O tema escolhido para o seminário não poderia ser mais feliz. Ao considerar os três diferentes momentos de um mesmo processo, o seminário mostrou-se um espaço intensivo de compartilhamento das experiências vividas pelas entidades e seus beneficiados ao longo do desenvolvimento do projeto.

O projeto Semear e Colher foi executado pela Comunidade Pequenos Projetas, Saber Viver, Casa Menina Mulher, Turma do Flau, Nosso Lar, Verde Vida e Nova Vida e  contou, ao longo dos dois anos de execução, com a coordenação de Maria Elisabeth Detert.

P1080016

“Para mim é um privilégio muito grande ter estado à frente de uma iniciativa tão exitosa, onde as Organizações Não-Governamentais fizeram jus à importância que possuem nas comunidades que atuam. O diferencial dessas organizações é, sem dúvida, o enraizamento que possuem, elas têm capilaridade, são dotadas de credibilidade pelo profundo e, em vários casos, antigos relacionamentos que nutriram ao longo de anos em suas localidades. O Semear e Colher foi uma passo a mais, e muito significativo, na capacitação técnica das ONGs da rede para lidarem com os novos desafios que a conjuntura aporta para nossos afazeres, o que exige de nós uma nova postura, outras habilidades e a conservação da expertise que adquirimos no trabalho antigo com diversas temáticas transversais.”

_MG_7685

O seminário teve início com a formação de uma mesa onde todos os representantes da entidade proponente do projeto Semear e Colher – Nova Vida, Aktionskreis Pater Beda, autoridades locais e representantes de entidades da Rede Solivida. O evento contou ainda com 70 famílias beneficiadas, sendo 10 famílias de cada entidade, assim, 40 delas vieram de Recife, 10 do município de Juazeiro do Norte e as outras  20 do município de Crato.

O Professor Doutor Ivan da Silva Queiroz, da Universidade Regional do Cariri (URCA) ministrou, na sequência, uma palestra com o tema “Cidade: um lugar para viver e sonhar”.

_MG_7709

A palestra teve como foco a discussão sobre os processos de desenvolvimento dos espaços urbanos que, sem planejamento, tendem a comprometer o direito à cidade e a qualidade das trocas e experiências que se pode viver nela. Na contramão dessa dinâmica, ressaltou Ivan, a importância de projetos como o Semear e Colher se afirma na medida em que encaram a cidade como espaço de reprodução da vida, mantendo o foco no valor de uso dos espaços urbanos, algo que não pode ser especulado.

Na sequência, cada uma das entidades executoras do projeto pode expor um pouco da experiência que teve a partir de alguns membros da equipe gestora de cada organização. A maioria levou produções audiovisuais e priorizou o testemunho dos beneficiados, nos casos em que estes estavam presentes, o que potencializou o principal objetivo do seminário: possibilitar a partilha, no seio da Rede Solivida, dos impactos positivos que um projeto pode gerar quando esse é centrado no desenvolvimento humano e comunitário em todas as suas dimensões.

Abaixo você pode conferir um pouco do que aconteceu no Seminário de Avaliação do “Semear, Colher e Compartilhar”

[:]

Faça sua doação e ajude o projeto Soli Vida

Olá, como posso ajudar?