Verde Vida

Creating Hope for a better future

Profile

Criado em 1994 e juridicamente constituído em 1998, o Verde Vida nasceu da iniciativa e inquietação do artista plástico Marcos Xenofonte ao ver as crianças do meio rural abandonarem a escola para trabalharem na roça devido à falta de políticas públicas voltadas para a população rural que pudesse dar oportunidades de desenvolvimento pleno a essas crianças.

Desde sua fundação o Projeto Verde Vida desenvolve ações sistemáticas com enfoque na promoção e defesa dos direitos das crianças, adolescentes e jovens do meio rural. Contribui com o processo de conscientização das famílias e comunidades sobre a importância da educação integral e da educação escolar na vida dos seus filhos. Ao promover processos articulados de formação humana gera possibilidades para que as crianças, adolescentes e jovens do meio rural ampliem seu repertório cultural, a sua visão percepção de mundo e avancem na idealização de um projeto de vida norteado pela educação e vida comunitária. O Projeto dá suporte e assistência integral com relação à educação, saúde, nutrição e lazer. Incentiva a cultura, o esporte e a preservação da natureza, além de primar pelo resgate e valorização da cultura local de raízes comunitária e popular através do atendimento diário em atividades diversas.

Adress
Sítio Catingueira, nº 125
Ponta da Serra CEP: 63138-000 Crato, Ceará
Coordination
Marcos Xenofonte
Contact
marcos-xenofonte@bol.com.br
verdevidas@yahoo.com.br
0055 88 3523-9162
Website
www.projetoverdevida.com.br

Photos

Our progress

6 mil

Pessoas beneficiadas direta e indiretamente

08

Comunidades beneficiadas pelo Projetos Verde Vida

Mission statement

Oportunizar a crianças, adolescentes, jovens e comunitários do campo a vivência dos seus direitos de forma integrada, participativa e cidadã por meio do resgate e valorização da sua identidade cultural e do seu desenvolvimento educacional, sociocultural e pessoal.

.

Dados do Atlas de Desenvolvimento Humano 2013 afirmam que o Crato ocupa, em 2010, a 1514ª posição no IDH com relação aos 5.565 municípios do Brasil. Nota-se que nesse período 2,23% das crianças de 6 a 14 anos não frequentavam a escola. Entre os jovens de 15 a 17 esse percentual atingia 15,41%. Outro aspecto preocupante é a situação de exploração do trabalho infantil: no Ceará o trabalho precoce atinge diretamente 12,26% de sua população infantil. Em Crato, a situação é crítica, uma vez que diversas atividades informais, como as olarias e agricultura de subsistência, consideram o trabalho infantil como “necessário e natural”. Culturalmente, as famílias de baixa renda ainda utilizam o trabalho infantil alegando a importância para a complementação da renda familiar, bem como para a formação da criança, para que não se tornem “preguiçosos”. Soma-se a esses aspectos a interiorização do consumo de drogas, principalmente na região metropolitana do Cariri, onde se concentram municípios de grande e médio porte como Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha. O município conta apenas com um Centro de Atenção Psicossocial – CAPS, tornando inviável o atendimento e acolhimento de crianças e adolescentes com esse problema.

O Projeto Verde Vida tem um grupo interno capacitado de modo a fortalecer as linhas de atuação institucional com foco na missão, visão e objetivos da Instituição. No âmbito técnico investimos na formação da equipe e dos educadores através de parcerias com outras entidades da sociedade civil organizada e instituições governamentais visando o alcance dos objetivos e metas apontados no planejamento das ações do Verde Vida. Da mesma forma, através dessas parcerias adquirimos aprendizagens inovadoras e significativas, a exemplo da Aktions Kreis Pater Beda, que por mais de 20 anos apoia as ações realizadas.

Com relação ao aspecto estratégico e operacional consideramos que a própria dinamicidade que caracteriza o trabalho no campo social exige um permanente olhar sobre o contexto social, econômico e cultural que envolve esse fazer. Por isso, a partir e com a vivência efetiva junto a pessoas, entidades, escolas, grupos e comunidades, nosso modo de atuar é alicerçado na realidade concreta. Isso ocorre na relação direta com esses parceiros e comunidades, onde a equipe adquire saberes estratégicos que possibilitam o desenvolvimento exitoso das ações e iniciativas. A articulação com instituições diversas como o SESC, SENAC, Mesa Brasil, Geoparke Araripe, Rede SoliVida, Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescentes – CMDCA, Conselho Municipal de Educação, também permite o fortalecimento da equipe uma vez que mantemos  a representatividade sistemática nesses espaços representativos dos Movimentos Sociais. Portanto, através da formação a equipe vem adquirindo capacidade estratégica e operacional para executar as ações planejadas; bem como, temos hoje condições de repassar as técnicas e instrumentos de desenvolvimento de projetos sociais para que nossos parceiros possam estar se apropriando também desse fazer.

Atualmente o projeto atende 380 crianças, adolescentes e jovens com faixa etária de 04 a 29 anos

Video

More news from Verde Vida