Verde Vida

Creating Hope for a better future

Profile

O Verde Vida nasceu da iniciativa do artista plástico Marcos Xenofonte que por 10 anos atuou em Recife/PE, junto a crianças e adolescentes em situação de rua. A ideia surgiu da constatação de que no Cariri cearense crianças e adolescentes abandonam a escola para trabalhar e as que permanecem na escola têm baixo rendimento. Situada no sítio Catingueira, distrito de Ponta da Serra – Crato, a ONG atende prioritariamente crianças, adolescentes, jovens e comunitários do meio rural. Desde sua fundação desenvolve ações sistemáticas de educação integral, esporte, cultura, arte, lazer e formação profissional com enfoque na promoção e defesa dos direitos em parceria com escolas públicas e comunidades rurais, através da disseminação do Estatuto das Crianças e Adolescentes – ECA.

A ONG tem por objetivo oportunizar a vivência prática de seus direitos de forma integradora, participativa e cidadã. O objetivo maior é ampliar e fortalecer as alternativas locais de desenvolvimento sociocultural. Visa ampliar o enfrentamento às situações de exploração do trabalho infanto-juvenil, exploração sexual, drogadição e evasão escolar. Buscando também a garantia da inserção de crianças, adolescentes e jovens em ações sistemáticas de acompanhamento escolar, cultura, esporte, lazer e no desenvolvimento de habilidades profissionais.

Adress
Sítio Catingueira, nº 125
Ponta da Serra CEP: 63138-000 Crato, Ceará
Coordination
Marcos Xenofonte
Contact
marcos-xenofonte@bol.com.br
verdevidas@yahoo.com.br
0055 88 3523-9162
Website
www.projetoverdevida.com.br

Mission statement

Educação e criatividade impulsionam as pessoas, isso dá coragem á elas para transformar as próprias vidas.

Marcos Xenofonte

Dados do Atlas de Desenvolvimento Humano 2013 afirmam que o Crato ocupa, em 2010, a 1514ª posição no IDH com relação aos 5.565 municípios do Brasil. Nota-se que nesse período 2,23% das crianças de 6 a 14 anos não frequentavam a escola. Entre os jovens de 15 a 17 esse percentual atingia 15,41%. Outro aspecto preocupante é a situação de exploração do trabalho infantil: no Ceará o trabalho precoce atinge diretamente 12,26% de sua população infantil. Em Crato, a situação é crítica, uma vez que diversas atividades informais, como as olarias e agricultura de subsistência, consideram o trabalho infantil como “necessário e natural”. Culturalmente, as famílias de baixa renda ainda utilizam o trabalho infantil alegando a importância para a complementação da renda familiar, bem como para a formação da criança, para que não se tornem “preguiçosos”. Soma-se a esses aspectos a interiorização do consumo de drogas, principalmente na região metropolitana do Cariri, onde se concentram municípios de grande e médio porte como Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha. O município conta apenas com um Centro de Atenção Psicossocial – CAPS, tornando inviável o atendimento e acolhimento de crianças e adolescentes com esse problema.

O Verde Vida promove a inclusão social da comunidade através de atividades sistemáticas de educação integral, arte, cultura, esporte, dança e inclusão digital. Propõe-se a ser espaço múltiplo de possibilidades para o desenvolvimento humano e cidadão em que as comunidades rurais do cariri, pertencentes ao quadro econômico de miséria, possam construir coletivamente novas configurações de interação sociocultural e cidadã. Almeja contribuir com a desconstrução de ideias obsoletas, como as que afirmam a migração como único meio de se alcançar o desenvolvimento humano, sendo preciso abandonar o local de origem em busca de oportunidades. Pretende, a partir disso, orientar e capacitar os atendidos, tornado-os aptos a atuar e intervir na região como agentes de transformação social na defesa dos direitos de crianças e adolescentes, com preservação do meio ambiente e valorização da cultura em suas próprias comunidades.

Video

More news from Verde Vida